Amazon ameaça Google e Meta no mercado de anúncios digitais

Multinacional norte-americana ampliou seus ganhos em publicidade online e a expectativa é de que conquiste 13% do mercado nos Estados Unidos

Com o market share abaixo dos 50%, o Google e a Meta têm visto a Amazon como sua maior ameaça no mercado dos anúncios digitais. A empresa ampliou seus ganhos em publicidade de forma significativa, registrando mais de US$ 30 bilhões por ano, com uma expectativa de conquistar 13% do mercado nos EUA.

Além da multinacional norte-americana, a Microsoft e o TikTok também estão tirando o sono das big techs. Segundo uma pesquisa da Insider Intelligence, a participação no mercado dos anúncios do Google foi de 28,8% e da Meta, 19,6%.

O cenário competitivo e a chegada de novos players ao mercado foram os principais motivadores para que Google e Meta perdessem o domínio sobre o mundo dos ads. As redes sociais, os streamers e e-commerces também competem por uma fatia do mercado, que representa cerca de US$ 300 bilhões.

O que acontece é que outras empresas estão implementando plataformas de anúncios, semelhantes as do Google e da Meta, para oferecer uma maneira direta de compra de publicidade aos anunciantes.

Para Mark Zuckerberg, CEO da Meta, as perdas de receita se devem, em parte, às atualizações de privacidade da Apple, as quais prejudicaram os recursos de rastreamento e os anúncios segmentados, diminuindo a participação da empresa no mercado.

 

Amazon ocupa o topo do mercado dos anúncios digitais

Depois que adquiriu a Sizmek, servidor global de anúncios multicanal, a Amazon Advertising se tornou um player bastante representativo na publicidade digital. Agora, a norte-americana controla o maior servidor de anúncios e plataforma de e-commerce do mundo.

Com uma robusta rede de anúncios digitais, a Amazon aumentou a visibilidade dos produtos em sua loja e ampliou sua estrutura de anúncios, passando a oferecer mais opções para segmentar usuários e mensurar resultados.

 


Microsoft e as vantagens da aquisição do LinkedIn

Não é de agora que a Microsoft faz movimentações no mercado da publicidade digital. Em 2018, a empresa investiu pesado no desenvolvimento de uma experiência de pesquisa mais inteligente em diversos dispositivos, oferecendo uma opção viável para que os anunciantes alcancem novos clientes.

No final de 2021, a corporação americana adquiriu a plataforma de publicidade programada da AT&T, Xandr, para que anunciantes e criadores de conteúdo pudessem unir forças e criar soluções poderosas para seus anúncios.

Já a recente aquisição do LinkedIn Ads deu à Microsoft o acesso a mais de 610 milhões de profissionais, possibilitando oferecer aos anunciantes, um grupo maior de clientes em potencial, além de informações, como cargo, setor, nível de senioridade e sobre o comportamento dessas pessoas.

Atualmente, a Microsoft tem propriedade de anúncios nas pesquisas do Bing, Xbox, MSN e em sites que utilizam o Xandr para vender anúncios digitais.

 

Tiktok se destaca pela precisão dos algoritmos

Outra grande pedra no caminho do Google e da Meta é, sem dúvidas, o recém-chegado TikTok. Até 2024, a rede social chinesa deve ultrapassar os US$ 8 bilhões em receita publicitária, ocupando o quinto lugar em termos de participação de mercado, ficando atrás da Microsoft.

Um dos principais motivos do crescimento do TikTok é a sua capacidade de atingir públicos mais jovens e o constante incentivo à produção de conteúdo criativo, atraente e original. Além disso, a plataforma da ByteDance permite alcançar audiências específicas com muita precisão.

 

Novas oportunidades de negócio aos anunciantes

No fim das contas, o grande beneficiado é o anunciante que, com as constantes mudanças no cenário digital, ganha novas opções de plataformas para exibir seus anúncios na internet e passa a experimentar variadas opções de negócios.

Longe da dependência do Google e da Meta, a diversificação das plataformas possibilitará que, antes de anunciar, as empresas avaliem o CPC, desenvolvam estratégias para maximizar o ROI dentro de cada orçamento, além de atingir um público mais amplo, gerando maior visibilidade aos produtos ou serviços.

Portanto, aproveite o momento para experimentar novas e diferentes possibilidades para seus anúncios digitais, usufruindo o que há de melhor em cada uma das plataformas, incluindo Google e Meta, pois elas continuam a oferecer muitas oportunidades para o seu negócio!

Quer saber de tudo, antes de todos?

Receba as principais notícias e atualizações sobre redes sociais, ads e marketing digital resumidas no seu e-mail!

Isso pode te interessar:

OPINE:

Compartilhe:

VEJA TAMBÉM:

CEO do ano! Mesmo com reviravoltas, Sam Altman, da OpenAI, é eleito CEO de 2023

Após ser demitido e recontratado pela OpenAI, Sam Altman é eleito o CEO do ano pela revista americana Time

Meta AI

Meta anuncia uma série de novos recursos de IA generativa para ajudar criadores, confira

Entre lançamentos e testes, a Meta anuncia mais de 20 novas maneiras, baseadas em IA, capazes de melhorar a experiência em seus aplicativos

whats next 2024, trend report tiktok

TikTok compartilha quais serão as tendências de 2024

O TikTok compartilhou seu relatório "What's Next 2024", com as principais tendências da plataforma e notas para profissionais de marketing

Aqui você encontra as principais notícias sobre Marketing Digital e atualizações sobre o mundo das Redes Sociais, Ads, Infoprodutos, Vendas Online.