Por que não estão abrindo seus e-mails? Descubra os erros que afetam as taxas de abertura

Descubra como aperfeiçoar as suas campanhas de e-mail, evitando erros comuns e criando conexões eficazes com sua audiência

Quando se trata de criar campanhas de marketing de alta qualidade, o e-mail marketing continua a ser a escolha ideal. De fato, 95% dos profissionais de marketing reconhecem que o e-mail é um dos canais de comunicação mais eficazes para trazer resultados empresariais.

Dentro desse cenário, as empresas estão abraçando o e-mail como uma parte vital de suas estratégias de marketing, tendo em vista a eficácia e o baixo custo. Além disso, ele funciona muito bem para:

  • Amplificar a fidelidade e retenção de clientes.
  • Impulsionar a receita e incrementar as vendas.
  • Construir fontes de leads qualificados.
  • Direcionar tráfego valioso ao site.
  • Elevar a visibilidade da marca no mercado.

No entanto, apesar do comprovado sucesso do e-mail como ferramenta empresarial, muitas campanhas fracassam devido a erros evitáveis, incluindo conteúdos monótonos e estratégias ruins.

Dessa maneira, para te ajudar a melhorar suas estratégias, vamos explorar os erros mais comuns no e-mail marketing, para que você possa evitá-los.

 

Os 7 erros mais comuns de e-mail marketing que você deve evitar

 

1. Vender, vender, vender. E só

Ao enviar um e-mail para um cliente ou possível cliente, é importante lembrar de algo: você está enviando um e-mail para eles.

Parece óbvio, né? Mas é que, muitas vezes, na “correria do ActiveCampaign“, você pode se esquecer que precisa promover um relacionamento com eles — mesmo que esse relacionamento seja baseado em algum interesse como aumento nas vendas ou no tráfego do site.

Dessa forma, se você utilizar seus e-mails somente para vender seus produtos e nada mais, os seus clientes ficarão desinteressados. Por isso você deve encontrar um equilíbrio entre conteúdo útil e oferta de produtos.

Compartilhar dicas e ideias do seu nicho pode ser uma boa estratégia para equilibrar suas vendas. Ao fazer isso, você reforça sua posição como especialista do setor e, ao mesmo tempo, ganha confiança e constrói um relacionamento com os clientes.

 

2. Um e-mail todo desconfigurado na tela do celular

Os seus consumidores estão utilizando o celular para praticamente tudo. Logo, você deve contar que, muito provavelmente, eles estão lendo o seu e-mail via smartphone. Sendo assim, é vital que você os otimize para dispositivos móveis.

De acordo com dados da Adestra, 70% das pessoas excluirão seu e-mail em segundos caso ele não seja exibido corretamente no celular.

Os e-mails exibidos incorretamente em dispositivos móveis são excluídos em 3 segundos por 70% dos usuários

Sendo assim, os melhores e-mails proporcionam aos clientes uma ótima experiência tanto em dispositivos móveis quanto em computadores. Pode levar alguns minutos extras para aperfeiçoar o formato do seu e-mail, mas vale a pena o esforço.

 

3. Deixar de ter CTAs claros e chamativos

Você deve ter um propósito com seus e-mails. Ou seja, se você deseja que seus clientes comprem um produto, visitem o seu site ou sigam você no Instagram, deve haver um call to action (CTA) para isso.

É importante deixar claro o que você procura dos clientes; caso contrário, você estará apenas lotando a caixa de entrada deles.

No entanto, inclua um CTA claro em seu e-mail, mas tente focar em apenas uma ação. Não exagere nos pedidos, você não quer sobrecarregar e nem confundir os destinatários.

Sendo assim, a cada e-mail expresse apenas um objetivo.

 

4. Deixar de analisar o seu desempenho

Para que suas campanhas de marketing sejam realmente efetivas, boas e envolventes, você precisa usar as análises.

Verifique suas taxas de cliques, monitore a taxa de abertura, analise quantos novos assinantes você está ganhando e quantos cancelaram. Além disso, tente descobrir o que seus e-mails com as maiores taxas de abertura e cliques têm em comum para que você possa usar essas informações ao elaborar campanhas futuras.

Inclusive, aqui você pode aprender um pouco mais sobre as métricas de marketing importantes para monitorar.

Sem utilizar as análises, é extremamente difícil desenvolver e melhorar sua estratégia de marketing por e-mail. Executar campanhas sem monitorar análises é um erro que pode prejudicar o seu negócio. Uma vez que você esteja investindo tempo e dinheiro, certifique-se de usar análises para verificar se seus esforços levam a algo.

 

5. Escrever assuntos ruins

De acordo com a Mailchimp, a taxa média de abertura de e-mails em todos os setores analisados é de 21,33%. Ou seja, o primeiro desafio que você tem é fazer com que o destinatário abra o seu e-mail.

Assim, você deve se esforçar para escrever algo muito interessante na linha de assunto, já que é a primeira coisa que o seu cliente verá enquanto estiver rolando a página cheia de e-mails.

47% dos destinatários abrem os e-mails apenas com base na linha de assunto

Sendo assim, escreva assuntos curtos, claros e envolventes. Assuntos que chamem atenção do seu cliente e faça-o querer abrir. Isso pode variar de acordo com sua empresa, nicho e público.

Dependendo do público, algumas empresas podem descobrir que usar emojis ou memes na linha de assunto aumenta as taxas de abertura. Outras empresas podem ter mais sucesso com uma redação mais profissional. O tom da linha de assunto depende muito dos destinatários do e-mail.

 

6. Encher seus e-mails de imagens

Sim, as imagens podem fazer um e-mail de marketing parecer mais nítido e limpo. No entanto, alguns destinatários podem bloquear imagens de e-mail. Dessa forma, ao utilizar muitas fotos, você praticamente envia um e-mail em branco.

Para evitar esse erro, use no máximo algumas imagens e espace-as uniformemente.

 

7. Não personalizar as suas campanhas de e-mail

Os melhores e-mails envolvem o público. Para envolver melhor o seu público, é importante criar mensagens personalizadas. Com as pessoas recebendo dezenas de e-mails promocionais todos os dias, adaptar sua mensagem mais especificamente aos grupos individuais ou às pessoas que assinam suas campanhas pode gerar ótimos resultados.

Ao enviar mensagens segmentadas com conteúdo escrito personalizado, você tem mais chances de fazer com que alguém interaja com seu e-mail. Isso lhe dá uma chance melhor de convertê-los em clientes pagantes. Destacar-se em uma caixa de entrada lotada requer personalização.

Agora, sabendo desses erros mais comuns de marketing por e-mail, é importante evitá-los para maximizar o potencial dessa poderosa ferramenta. Assim, você estará no caminho certo para construir campanhas bem-sucedidas de e-mail marketing.

Quer saber de tudo, antes de todos?

Receba as principais notícias e atualizações sobre redes sociais, ads e marketing digital resumidas no seu e-mail!

Isso pode te interessar:

OPINE:

Compartilhe:

VEJA TAMBÉM:

Gemini no Performance Max do Google

Google está adicionando Gemini às campanhas Performance Max

Google anunciou está adicionando seu modelo de linguagem IA Gemini às campanhas Performance Max, para ajudar a criar campanhas mais eficazes

marketplace de criadores instagram

Um portfólio digital para criadores: Instagram traz marketplace de criadores para o Brasil

O novo recurso do Instagram que promete ser um portfólio digital para influenciadores chega ao Brasil e a outros sete países

5 métricas de marketing de influência que você precisa conhecer

Ao acompanhar essas métricas, você pode identificar influenciadores para refinar continuamente sua abordagem para obter melhores resultados

Aqui você encontra as principais notícias sobre Marketing Digital e atualizações sobre o mundo das Redes Sociais, Ads, Infoprodutos, Vendas Online.