trending topics:

BIG PLAYERS

Paulo Cuenca

Paulo Cuenca marketing de conteúdo
Conhecido por:
Paulo Cuenca é uma das maiores referências no Brasil sobre marketing de conteúdo e de comunidade.
Principais produtos:
O Superpoder, O Portal, Formação Estratégica de Conteúdo (FEC)
Onde mora?

E-mail de contato:

IMPORTANTE:

Este artigo foi produzido pelos nossos jornalistas a partir de pesquisas em sites, entrevistas e podcasts, agrupando informações disponibilizadas publicamente pelo player, inclusive em suas redes sociais. As fontes e links encontram-se no final do artigo. Caso verifique algum erro, nos avise aqui pelo contato.

Quem é Paulo Cuenca? História, carreira e principais produtos

Paulo Cuenca: o cara de bigode nos vídeos de culinária do YouTube ou o marketeiro que ensina que conteúdo é o caminho hoje e sempre para as suas beselhas?  

Qual foi o seu primeiro contato com uma das maiores referências sobre marketing digital no Brasil

Ao lado de sua esposa, Dani Noce, o especialista estreou no mercado apostando em um negócio inusitado: lojas de chinelos Havaianas.

Já em 2011, o casal criou o que se tornou um dos maiores canais sobre confeitaria da América Latina, o I Could Kill for Dessert, que depois passou a se chamar Danielle Noce

Em 2015, a editoria de viagens foi acrescentada ao projeto, outra ideia que decolou e bateu mais um recorde: o maior canal de viagens no Brasil. 

Do YouTube para o Spotify, veio à luz O Podcast, espaço dedicado para falar sobre criação de conteúdo, criatividade, publicidade e marketing. 

Com 48 episódios na lista, a iniciativa ganhou o prêmio Digital Awards, como melhor podcast de 2018. 

Hoje, Cuenca registra milhares de seguidores em suas redes sociais e se consolidou no mercado on-line com consultorias, mentorias e através dos projetos Super Poder e O Portal

Mas você sabia que ele também estudou violino, quis ser diplomata e acabou indo parar no universo do cinema? 

Conheça neste artigo a trajetória pessoal e profissional de Paulo Cuenca.

YouTube video

 

Conexão Brasil-Portugal: de onde veio e para onde foi Paulo Cuenca

Em 03 de agosto de 1985, Paulo Henrique Sequeira Cuenca Gomes nasceu em Jundiaí, São Paulo. 

Filho de mãe portuguesa e pai brasileiro, desde a infância, Paulo teve contato com a cultura dos dois países.

À princípio, passou os primeiros meses de vida entre os lusitanos, tendo retornado a Portugal, dos 4 aos 8 anos. 

Dando um salto no tempo, o então jovem Paulo saiu de sua cidade natal para cursar Direito na PUC-SP, mirando em uma carreira na diplomacia.  

Neste sentido, a escolha da profissão foi motivada pelo seu desejo de fazer a diferença.  

Durante a graduação, o universitário decidiu trancar os estudos no Brasil e ir para França cursar Direito Comparado. 

Porém, se engana quem pensa que a ideia deu certo.

 


Mudança de rumo

No mesmo período, os negócios do pai de Cuenca passaram por dificuldades financeiras, fato que impediu sua viagem para o exterior. 

A partir desta situação, o jovem desistiu da área jurídica e se voltou para a sétima arte: o cinema.

Então, Cuenca dedicou um período para acompanhar filmes, enquanto pensava em possibilidades de negócio no mercado de trabalho. 

Também nessa época, Paulo conheceu a pessoa que mudaria sua vida pessoal e profissional até hoje: sua sócia e esposa Danielle Noce, que era estudante de moda. 

 

Paulo Cuenca e Dani Noce

Paulo Cuenca e Dani Noce

O que começou com uma amizade, de 4 anos, entre vizinhos de porta na PUC-SP se transformou em uma sociedade de sucesso nos anos posteriores. 

Entretanto, para a decepção dos românticos de plantão, o relacionamento entre o casal não foi de amor à primeira vista, pelo menos por parte de Cuenca. 

Neste cenário, Dani confessou que estava apaixonada pelo amigo.

Mas o sentimento não foi recíproco a princípio, o que de certa forma abalou a amizade da dupla. 

Com as cartas na mesa, a universitária se envolveu em outro relacionamento e se mudou temporariamente para outro país. 

Assim, frente ao distanciamento de Danielle, Paulo Cuenca percebeu que também tinha sentimentos românticos por ela.

E, adiante, aproveitou uma oportunidade para demonstrar como se sentia…

Em um certo dia, o jovem tomou coragem para se reaproximar de sua futura companheira, bateu em sua porta e respondeu “É o frio!” quando a moça perguntou sobre quem a estava chamando

Em resumo, a investida deu certo, o casal aprofundou sua conexão e continua junto até os dias presentes. 

 

O par da Havaianáticos

Casal que empreende unido, permanece unido?

No caso de Paulo e Dani, sim e tudo começou com uma ideia de vender chinelos da marca Havaianas. 

Paralelamente, Cuenca optou por entrar no curso de Cinema da FAAP. 

Em uma passagem por Brasília, ambos perceberam que as pessoas se aglomeravam para comprar o calçado em um estabelecimento desorganizado.

No local, haviam caixas soltas por todos os lados. 

Diante desta situação, veio o insight: se uma loja dessa fazia tanto sucesso na capital federal, imagina em um grande centro de compras, como São Paulo? 

Neste momento, a dupla criou a Havaianáticos

Inicialmente, a proposta era abrir o comércio em em São Paulo Capital.

Porém, diante de muitos nãos para uma ideia que parecia sem sentido (ainda não existiam lojas franqueadas da Havaianas na época), a cidade que recebeu o empreendimento foi Santos

Logo, a aposta de Paulo e Dani prosperou, permitindo que fossem abertas mais 4 estabelecimentos. 

Entretanto, após alguns anos de êxitos, a Alpargatas (detentora da patente da Havaianas) começou a trabalhar com sócios franqueados.

Consequentemente, o aumento na concorrência fez o casal repensar o negócio e revendê-lo. 

Assim, este foi o fim da Havaianáticos, mas o princípio de outra jornada: trabalhar com a internet. 

 

Paulo Cuenca e o YouTube

Dos chinelos para a confeitaria, foi assim que Paulo e Danielle resolveram iniciar mais uma aventura, mas agora por meio do YouTube e de um blog.

Em 2011, surgia o I Could Kill for Dessert (que trocou o título para Danielle Noce).

Entre os vídeos do canal, Dani ensinava receitas de doces, enquanto Paulo experimentava tudo e avaliava a qualidade dos pratos.  

Detalhes: Noce não sabia cozinhar e Paulo Cuenca morria de vergonha de aparecer em frente às câmeras. 

Assim, a proposta do casal de mostrar os bastidores da cozinha de forma descontraída e com leveza conquistou o público. 

Posteriormente, os sócios se mudaram para Paris, com o objetivo de Dani se especializar na área da Confeitaria.

Deste modo, a Lenôtre, uma das escolas mais famosas do mundo no segmento foi a escolhida para o aperfeiçoamento de Noce. 

Todavia, a viagem veio acompanhada de outra transformação: Cuenca tomou coragem e resolveu também se arriscar no preparo dos doces.

O resultado da iniciativa foi o quadro Bigode na Cozinha

Empolgados com o desempenho do canal, a dupla resolveu estender o conteúdo para viagens, fazendo vlogs pelos países que visitavam. 

Inicialmente, o intuito do projeto era ganhar visibilidade e ser exportado para programas de TV, o que não deu certo. 

Mesmo assim, a jornada pelo YouTube rendeu grandes conquistas.

YouTube video

 

 

Paulo Cuenca e Dani Noce no topo dos rankings

O trabalho do casal foi amplamente reconhecido em diversos segmentos.

Nos nichos de gastronomia e lifestyle, o canal Danielle Noce tornou-se como o maior canal de confeitaria da América Latina e o maior canal de viagens do Brasil

Adiante, os influenciadores ainda receberam o prêmio de Imprensa e Mídias Sociais do Ministério do Turismo e ficaram entre os 41 Top Creators do YouTube na América Latina

Em meio à trajetória no YouTube, o casal também abriu uma produtora para oferecer estratégias de conteúdo (desde 2013),

Ao passo que, em 2016, a dupla ganhou renome no mercado, estampando capas de revista como a “Pequenas Empresas, grandes negócios”. 

Já em 2019, surgiu a WTF Maison, empresa que prestava serviços para diversas marcas e profissionais autônomos e que também realizava cursos sobre Mídias Sociais e Marketing de Conteúdo. 

Até aqui, tudo estava nos trilhos, até que veio a pandemia da Covid-19 e uma mudança na rota de Paulo Cuenca e Danielle Noce.

YouTube video

Paulo Cuenca e o Marketing de Conteúdo e Comunidade

Em 2020, a pandemia trouxe uma reformulação drástica nos planos do casal.

Por causa do distanciamento social ocasionado pela Covid, eles precisaram repensar e pausar as estratégias sobre viagens no canal do YouTube. 

Por fim, os influencers optaram por fechar o escritório e encerrar as atividades do canal.

Segundo Paulo, em seu Instagram, surgiram os seguintes questionamentos na época:

O que as pessoas mais precisam neste momento? O que eu fiz nos últimos 10 anos que ninguém fez? Como eu posso ajudar com o conhecimento que tenho? 

Logo, Cuenca chegou a conclusão de que poderia dividir com outras pessoas toda a bagagem que juntou em uma década produzindo conteúdo na internet

 

Os principais produtos de Paulo Cuenca

Com base nas experiências vividas em seus empreendimentos, surgiram projetos como o O Superpoder, a Formação Estratégia de Conteúdo (FEC) e o O Portal.

 

O Superpoder

Voltado para quem quer ganhar visibilidade e presença de marca no Instagram, o curso de Paulo Cuenca objetiva transformar o perfil do aluno em uma forma de negócio.

Para isso, são trabalhados o conhecimento aprofundado do público-alvo e a constância na produção de publicações, como formas de ganhar autoridade em seu nicho. 

Neste sentido, os métodos ensinam como analisar a concorrência para se inspirar e criar conteúdos próprios, o conceito de Primal Branding, como usar o funil de conteúdo para Reels, carrossel, Stories e outras ferramentas do aplicativo.

Também compõe o curso maneiras de promover a autenticidade do negócio, técnicas de humanização e conexão, análise de dados e métricas e mais uma ampla variedade de técnicas específicas para a rede social. 

 

Formação Estratégia de Conteúdo (FEC)

Formação Estratégia de Conteúdo

A FEC se trata de uma capacitação voltada para desenvolver estrategistas digitais, que dominem a arte de desenvolver conteúdos atrativos, que se conectam com a audiência e geram mais conversões. 

Nela, as beselhas (forma como Cuenca autointitula os membros de sua comunidade criativa) aprendem a lidar com os primeiros clientes, desafios e oportunidades da área, estratégias multicanal, entre outras temáticas. 

 

O Portal

O Portal Paulo Cuenca

O projeto é o primeiro relatório de marketing do Brasil, que tem como meta oferecer uma curadoria completa sobre vários assuntos e novidades que estão acontecendo no país, ajudando os profissionais da área a produzir conteúdos de qualidade e de forma rápida.

Quer conhecer mais sobre as ideias e insights que Paulo Cuenca aprendeu em todos os anos dedicados à produção de conteúdo? 

38 lições que Paulo Cuenca aprendeu em 38 anos

Confira a lista de ensinamentos que Paulo preparou com base em seus 38 anos de vida, divulgada em seu Instagram.

 

Isso também pode te interessar:
Mais histórias de Big Players:
Bruno Perini Quem é

Bruno Perini

Bruno PeriniBruno Perini é um dos maiores influenciadores de finanças … >> VER TUDO! é um dos maiores influenciadores de finanças e investimento do país.

Leia mais »

Marcos Paulo

Marcos Paulo atualmente é um dos maiores estrategistas digitais do Brasil. Ao lado de Pablo MarçalPablo Marçal é um empreendedor e coach de destaque no

Leia mais »
Tiago Fonseca marketing digital

Tiago Fonseca

Tiago FonsecaTiago Fonseca é um influencer, empreendedor e investidor, q… >> VER TUDO! é um influencer, empreendedor e investidor, que possui uma grande audiência na

Leia mais »

Aqui você encontra as principais notícias sobre Marketing Digital e atualizações sobre o mundo das Redes Sociais, Ads, Infoprodutos, Vendas Online.