O YouTube está de “birra” com os usuários que continuam com bloqueadores de anúncios

O YouTube está deliberadamente deixando os vídeos mais lentos para pessoas que insistem em usar bloqueadores de anúncios

Sabe toda a luta que o YouTube está travando para bloquear os bloqueadores de anúncios? Ela continua, porque os usuários estão teimosos.

Por mais que a empresa tenha conseguido bloquear alguns desses programas e colocar um anúncio avisando ao usuário para desativá-lo para continuar assistindo aos vídeos — ou assinar o plano premium —, as pessoas continuam instalando e desinstalando extensões bloqueadoras para burlar o sistema. E o YouTube, claro, não está nada feliz com isso.

Aviso do YouTube para os usuários que utilizam bloqueadores de anúncios.

Sendo assim, a empresa admitiu ter criado intencionalmente uma experiência abaixo do ideal — ou seja, mais lenta — para usuários que empregam bloqueadores de anúncios.

Essa abordagem busca orientar usuários que continuam a utilizar bloqueadores, independentemente do navegador utilizado. Isso engloba não apenas navegadores como Chrome, Firefox e Edge, mas também abrange relatos de usuários que enfrentam atrasos, mesmo quando usam outros.

 

O que o YouTube diz sobre isso?

Em um comunicado, o Google explicou que a decisão de atrasar a reprodução de vídeos é uma resposta direta ao uso dessas extensões de bloqueio de anúncios.

A empresa encoraja os usuários a praticarem a paciência e esperarem um pouco mais durante o carregamento, caso optem por continuar utilizando bloqueadores de anúncios.

Essa medida reflete uma iniciativa proativa por parte do YouTube para lidar com os desafios apresentados pelos bloqueadores de anúncios, indicando uma postura mais determinada em relação à monetização de conteúdo por meio de publicidade na plataforma.

De acordo com um porta-voz da empresa:

Para apoiar um ecossistema diversificado de criadores em todo o mundo e permitir que bilhões de pessoas acessem seu conteúdo favorito no YouTube, lançamos um esforço para incentivar os espectadores com bloqueadores de anúncios ativados a permitir anúncios no YouTube ou experimentar o YouTube Premium para uma experiência sem anúncios.

Os usuários que possuem bloqueadores de anúncios instalados podem ter uma visualização abaixo do ideal, independentemente do navegador que usam.

O comunicado do Google esclarece que o atraso no carregamento é uma mudança intencional direcionada aos usuários que continuam usando bloqueadores de anúncios.

Isso representa mais uma medida para lidar com o uso dessas extensões no YouTube, incentivando os usuários a escolherem entre ver anúncios ou aderir ao YouTube Premium. Essa estratégia talvez faça sentido, uma vez que que a plataforma depende tanto de receitas publicitárias quanto de assinaturas para prosperar.

Quer saber de tudo, antes de todos?

Receba as principais notícias e atualizações sobre redes sociais, ads e marketing digital resumidas no seu e-mail!

Isso pode te interessar:

OPINE:

Compartilhe:

VEJA TAMBÉM:

Gemini geração de imagem

Google suspende geração de imagens por IA após erros históricos e raciais

O Gemini, ferramenta de IA do Google, gerou imagens dos nazistas e dos fundadores dos EUA como pessoas negras, gerando debate sobre racismo

Threads da Meta e Facebook

Ainda tentando! Meta está testando postagens cruzadas do Facebook para Threads

Segundo a Meta, o recurso ainda está em teste para usuários do iOS e pretende facilitar o cruzamento de postagens entre Facebook e Threads

Gemini no Performance Max do Google

Google está adicionando Gemini às campanhas Performance Max

Google anunciou está adicionando seu modelo de linguagem IA Gemini às campanhas Performance Max, para ajudar a criar campanhas mais eficazes

Aqui você encontra as principais notícias sobre Marketing Digital e atualizações sobre o mundo das Redes Sociais, Ads, Infoprodutos, Vendas Online.