Adeus às compras ao vivo no Instagram: a rede social encerrará o recurso em março

O Instagram encerra o seu recurso de compras ao vivo no aplicativo e diz que mudará o foco para a publicidade das empresas

A Meta já iniciou o ano mudando o layout do aplicativo e retirando a guia loja da página principal do Instagram. Agora, ela também está eliminando o negócio de compras ao vivo da rede social.

A partir do dia 16 de março, os usuários não poderão mais marcar produtos durante as transmissões ao vivo.

A mudança reflete os desafios de tornar as compras ao vivo bem-sucedidas no mercado, em contraste com sua popularidade e lucratividade nos mercados asiáticos.

 

Ainda se adaptando ao pós-pandemia

Durante a pandemia, houve um aumento significativo do comércio eletrônico, contudo, após o retorno à normalidade, os especialistas observaram que os consumidores do ocidente não adotaram completamente as compras ao vivo, que representaram apenas 5% do total de vendas online no país.

Até mesmo o TikTok precisou diminuir seus planos de comércio ao vivo devido às vendas baixas.

Divergências culturais e digitais entre os mercados ocidentais e chineses podem explicar a razão pela qual o comércio ao vivo não obteve tanto sucesso no ocidente.

 


O foco serão os anúncios

Embora a empresa esteja encerrando o recurso de compras ao vivo no Instagram, ela diz que continuará investindo em compras, já que 90% dos usuários seguem pelo menos uma empresa no aplicativo.

No entanto, em vez de compras ao vivo, a plataforma priorizará a publicidade como principal forma de os usuários descobrirem as empresas e fazerem compras.

Isso inclui os anúncios automatizados e as campanhas de compras Advantage+ para melhorar o desempenho do anúncio, além de continuar investindo no checkout.

O Instagram removeu recentemente a guia Loja e realocou os Reels, em resposta às críticas dos usuários sobre a ênfase exagerada no conteúdo de vídeo.

 

Por que eu devo me importar?

Embora tenha sido anunciado pela Meta que há um maior foco em anúncios no Instagram, ainda não se sabe exatamente o que isso implica.

No entanto, os anunciantes devem estar cientes da remoção da guia Loja e considerar novas estratégias para capturar a atenção dos usuários e aumentar as conversões.

Ajustes podem ser necessários para se adaptar a essa nova dinâmica e aproveitar outras oportunidades disponíveis na plataforma.

Fonte: Search Engine Land

Quer saber de tudo, antes de todos?

Receba as principais notícias e atualizações sobre redes sociais, ads e marketing digital resumidas no seu e-mail!

Isso pode te interessar:

OPINE:

Compartilhe:

VEJA TAMBÉM:

Microsoft

Conheça os planos da Microsoft para ferramentas de IA generativa em 2024

No próximo ano, a Microsoft planeja expandir o acesso a mais recursos de IA desenvolvidos pelo GPT-4, confira

CEO do ano! Mesmo com reviravoltas, Sam Altman, da OpenAI, é eleito CEO de 2023

Após ser demitido e recontratado pela OpenAI, Sam Altman é eleito o CEO do ano pela revista americana Time

Meta AI

Meta anuncia uma série de novos recursos de IA generativa para ajudar criadores, confira

Entre lançamentos e testes, a Meta anuncia mais de 20 novas maneiras, baseadas em IA, capazes de melhorar a experiência em seus aplicativos

Aqui você encontra as principais notícias sobre Marketing Digital e atualizações sobre o mundo das Redes Sociais, Ads, Infoprodutos, Vendas Online.