O Google Ads vale a pena para o seu negócio?

Para saber se o Google Ads vale ou não a pena para o seu negócio, confira os prós, contras, lucratividade e dicas para utilizá-lo melhor

Vamos iniciar esta postagem de uma maneira que você nunca viu aqui no Pixeld: te dando logo a resposta da pergunta do título. E qual é essa resposta? DependeEssa é uma das piores respostas do mundo, não é mesmo?

Mas ela é necessária porque se o Google Ads vale a pena ou não para algum negócio é altamente subjetivo e ninguém conseguiria dar essa resposta dessa forma. O que podemos fazer, então, é expor as considerações para que você mesmo consiga chegar à resposta para a sua empresa.

Sendo assim, vamos falar sobre os prós e contras, os fatores a serem considerados, quais são as funcionalidades e tudo que pode influenciar sua decisão de testar e usar o Google Ads ou não.

 

Quais são os prós e os contras do Google Ads?

Antes de entrarmos em detalhes, vamos examinar alguns dos prós e contras gerais do Google Ads.

 

Prós

  • Intenção. Como você está segmentando palavras-chave com o Google Ads, você pode aparecer para as pessoas quando a intenção de compra delas for maior. Sem mencionar o fato de que 89% das jornadas do comprador começam com um mecanismo de busca.
  • Resultados rápidos. Embora o SEO seja essencial para qualquer negócio, pode levar várias semanas ou até meses para ganhar força na SERP (página de resultados). Os anúncios de pesquisa pagos, por outro lado, aparecem imediatamente.
  • Exposição. Os anúncios de busca não apenas aparecem no topo do SERP, mas também os mecanismos de busca são o principal canal usado pelos consumidores ao realizar pesquisas de marca online. E o Google é, de longe, o mecanismo de busca mais utilizado pelos consumidores. Ele captura 92% da participação de mercado dos mecanismos de pesquisa. Portanto, anunciar no Google é uma boa maneira de chegar às pessoas que procuram não apenas produtos e serviços, mas também marcas, sejam elas suas ou de seus concorrentes.

principais canais usados ​​para pesquisa de marca online

  • Mensurabilidade. Como é o caso da maioria das formas de marketing digital, a plataforma Google Ads fornece resultados quantificáveis ​​para que você possa obter uma leitura clara sobre quais anúncios, ofertas, palavras-chave e páginas de destino têm melhor desempenho.
  • Vários formatos. Embora normalmente associemos anúncios da Rede de Pesquisa ao Google Ads, existem muitos outros formatos com os quais trabalhar, e cada canal de anúncio desempenha um papel importante diferente em sua estratégia de marketing.
  • ROI. A natureza do leilão do Google Ads diz que você paga o preço mais baixo possível por um clique em seu anúncio. Isso ocorre porque a fórmula do seu custo por clique leva em consideração o lance máximo do anúncio que aparece abaixo do seu, mais um centavo. E, claro, você só paga quando alguém clica no seu anúncio. O PPC (pay per click), em média, retorna US$ 2 para cada US$ 1 gasto, e o Google (então aceite isso com cautela) chegou ao ponto de dizer que o Google Ads na verdade retorna US$ 8.

 

Contras

  • Custos baixos não são garantidos. Com base no último ponto acima. Pagar o preço mais baixo possível por um clique no seu anúncio não exige um preço baixo. Você está pagando o preço mais baixo em relação aos seus concorrentes e algumas palavras-chave podem ser bem caras. Além disso, não é segredo que o Google Ads é um dos melhores canais de marketing. Quanto mais pessoas usam, mais competitivo e caro ele se torna.
  • Manutenção. Quanto você paga por suas campanhas depende de vários fatores – um dos principais é a sua eficácia na otimização de seus anúncios. O gerenciamento adequado de uma conta do Google Ads envolve estruturá-la adequadamente, fazer pesquisas de palavras-chave e monitorar e ajustar constantemente à medida que os dados se acumulam.
  • Automação não significa mãos livres. Sim, pode haver muito aprendizado de máquina acontecendo por parte do Google, mas você ainda precisa saber como trabalhar com a automação e com as novas informações que ela fornece.
  • Curva de aprendizado. A evolução da plataforma do Google Ads é um tanto paradoxal: quanto mais recursos e capacidades ela oferece para tornar a plataforma mais fácil de usar, mais difícil e confusa pode ser de usar — ou pelo menos de aprender. Portanto, embora existam muitos cursos de treinamento gratuitos do Google Ads , você não pode escapar da curva de aprendizado. Além disso, muitos recursos úteis deixam você mais vulnerável a erros no Google Ads.

 


Fatores que impactam o custo do Google Ads

Quando custa o Google Ads? Aqui te daremos um resumo rápido:

  • Indústria. Como os consumidores têm comportamentos de compra diferentes com base no produto ou serviço que procuram, cada setor tem um conjunto diferente de taxas médias de cliques e taxas de conversão — o que resulta em diferentes perfis de custo por clique (CPC) e custo por lead (CPL). Mas lembre-se também de que muitos setores que apresentam custos mais elevados também apresentam um valor mais elevado associado a uma conversão.
Veja aqui o relatório de benchmarks do Google Ads 2023
  • Ciclo de vida do cliente.  Da mesma forma, os ciclos de vida dos clientes também variam de acordo com o setor. Algumas jornadas do comprador duram um dia, outras duram vários meses ou até anos.
  • Tendências econômicas. Seja inflação, pandemia, escassez de oferta ou qualquer outra coisa, essas tendências causam mudanças no comportamento do consumidor que afetam os resultados do Google Ads.
  • Outros canais. Outros canais como SEO e redes sociais podem melhorar o reconhecimento da sua marca e impactar indiretamente a eficácia do seu Google Ads.
  • Gerenciamento de contas. Conforme mencionado acima, se o Google Ads vale a pena para você dependerá muito de quão atento você está com sua conta. Aqueles que realizam auditorias regulares, mantêm seus anúncios e páginas de destino relevantes, ficam por dentro das atualizações da plataforma e testam e fazem otimizações baseadas em dados continuamente são aqueles que obtêm sucesso.

 

O Google Ads vale a pena para o seu negócio? Como descobrir

Conforme observado, o que foi dito acima são apenas os prós e contras básicos do uso do Google Ads. Agora vamos nos aprofundar um pouco mais nesses fatores. E, conforme observado acima, não podemos fornecer uma resposta geral para todas as empresas, mas as considerações e dicas abaixo podem servir como um guia para ajudá-lo a determinar se o Google Ads realmente vale a pena para sua empresa especificamente.

  • O que você deseja que o Google faça por você?
  • Qual é o seu cenário de rentabilidade?
  • Quais são os seus custos iniciais?

 

Consideração nº 1: o que você deseja que o Google faça por você?

Precisamos começar com o fim em mente, porque há muitas coisas que o Google Ads pode fazer e também, decididamente, coisas que ele não pode.

O que o Google Ads não pode fazer:

  • Garantir vendas ou leads.
  • Garantir que as vendas ou leads obtidos serão lucrativos.
  • Roubar os clientes dos seus concorrentes.
  • Colocar seus anúncios nos sites de seus concorrentes.
  • Fazer com que seu site tenha uma classificação mais elevada organicamente.

As três primeiras são, de longe, as coisas mais comuns que as pessoas desejam que o Google Ads faça, e ele pode fazer essas coisas, mas não é garantido. A quarta depende de alguns fatores externos. O último absolutamente não pode ser feito.

O que o Google Ads pode fazer:

  • Ajudar você a aparecer para pessoas que procuram sua marca, produtos ou serviços.
  • Ajudar você a aparecer para pessoas que procuram seus concorrentes.
  • Aparecer para clientes em potencial por meio da segmentação por público e persona.
  • Promova sua loja física para quem está próximo dela.

Então, vamos supor que você esteja no grupo que tem expectativas realistas e deseja usar o Google Ads para fazer algo em um desses grupos. Agora vamos ver se vale ou não a pena tentar essas táticas.

 

Consideração nº 2: Qual é o seu cenário de lucratividade?

Não importa quais sejam seus objetivos com o Google Ads, existem vários cenários de lucratividade que você pode encontrar.

Seu caso individual é afetado por uma ampla gama de fatores, alguns que você pode impactar, outros que não. Coisas como concorrência no setor e custos por clique, taxa de conversão do site, etc. são exemplos de alguns desses fatores.

Não importa o que aconteça, você provavelmente acabará em uma das situações abaixo. Dependendo do cenário em que você se encontra, poderá identificar facilmente se o Google Ads “vale a pena” ou não:

 

Diretamente lucrativo

  • O que significa: nesse cenário, você está ganhando dinheiro diretamente do Google, que é mais do que gasta na plataforma.
  • O Google Ads vale a pena? Sim. Isso é óbvio.
  • Dica: não se esqueça de contabilizar quaisquer custos de gerenciamento (sejam internos, externos ou de seu próprio tempo), mas provavelmente você desejará continuar usando o Google se ele estiver gerando receita para você.
Imagem: Copybase

 

Indiretamente lucrativo

  • O que significa: talvez haja alguns problemas com o rastreamento ou seu processo de atribuição seja um pouco confuso, mas você pode dizer que o Google Ads está gerando dinheiro porque se você desligá-lo… você para de ganhar tanto dinheiro.
  • O Google Ads vale a pena? Provavelmente sim, mesmo que você não consiga ver isso diretamente nos números da plataforma.
  • Dica: limpe seu rastreamento. Nem sempre é fácil, mas resolver seus problemas de acompanhamento de conversões é essencial não apenas para obter uma leitura clara sobre se o Google Ads vale a pena para você, mas também para obter os dados necessários para fazer otimizações para melhorar o desempenho e economizar orçamento.

 

Empatado

  • O que significa: aqui ganhamos tanto dinheiro quanto gastamos na plataforma.
  • O Google Ads vale a pena? É aqui que você faz um julgamento:
    • O valor adicional está ajudando sua empresa a movimentar o produto?
    • Suas margens são altas o suficiente para que, embora os custos com anúncios sejam equilibrados, o ROI da venda como um todo seja positivo?
    • Vale a pena o trabalho adicional para cumprimento?
    • Você normalmente tem clientes recorrentes? Ou seja, essa primeira venda de ponto de equilíbrio poderia acabar sendo altamente lucrativa dado o LTV do usuário?
  • Dica: Apenas certifique-se de incorporar todos os custos totais associados e de não se vender a descoberto, porque não é claramente lucrativo apenas por meio da plataforma.

 

Provavelmente/definitivamente não lucrativo

  • O que significa: para esses dois grupos, a resposta está mais no resultado desejado do Google Ads.
  • O Google Ads vale a pena? Bem…
    • Você quer ganhar apenas dinheiro? Então, se você não fizer isso, o Google Ads pode não valer a pena para você.
    • Deseja ter certeza de que aparecerá apenas para pesquisas locais? Então, dependendo de quão não lucrativo você é, ainda pode fazer sentido anunciar no Google para ter o reconhecimento da marca.
    • Você está tentando conquistar concorrentes? Essas campanhas quase sempre não são lucrativas (diretamente e muitas vezes indiretamente também). Portanto, contanto que você esteja de acordo com a perda de fundos para essa conquista, o Google Ads ainda pode ser uma opção viável para você.
  • Dica: almejar palavras-chave de concorrentes pode sair caro.

Assim como não dá para responder se o Google Ads vale a pena para uma determinada empresa, também não dá para dizer qual será o seu cenário de lucratividade. A única maneira de descobrir é começar e ver onde você chega.

 

Consideração nº 3: Quais são seus custos iniciais?

Além das implicações financeiras, de marca e de longo prazo da publicidade no Google, também é importante calcular os custos iniciais associados a uma conta em seu cálculo de “vale a pena”. Não importa o quanto você inicialize, haverá custos iniciais. Eles podem simplesmente não ser tão claros monetariamente logo de cara.

Aqui estão alguns cenários comuns a serem considerados e alguns prós/contras para descobrir qual pode ser o certo para você.

 

Se você fizer você mesmo

Se você planeja administrar sua conta do Google Ads sozinho, seus custos iniciais se concentrarão principalmente no tempo e na curva de aprendizado de desempenho. O Google Ads é uma plataforma complexa e, embora o Google tente se gabar de que é para o pequeno empresário que pode fazer tudo, ela pode rapidamente sair do controle se você não souber o que está fazendo.

Isso não é tanto para assustá-lo, mas para lhe dar uma compreensão saudável do tempo e do esforço necessários para garantir que você não esteja desperdiçando seu próprio dinheiro. Lembre-se de que todos os anúncios no Google custam dinheiro; portanto, se suas habilidades de publicidade não forem adequadas para garantir que você esteja gerando tráfego de qualidade, você estará literalmente desperdiçando seu próprio tempo e dinheiro.

 

Se você contratar alguém externo

Nesse caso, você não usará seu próprio tempo para aprender e montar suas campanhas, outra pessoa fará isso por você. Em vez disso, você terá um custo monetário inicial mais alto para pagar essa pessoa para criar suas campanhas e gerenciá-las para você. 

Ainda haverá uma curva de aprendizado de desempenho, mas você estará nas mãos de um especialista (supondo que você os avaliou bem) e poderá gastar seu tempo fazendo as coisas em que é melhor.

Apenas certifique-se de examiná-los, fazendo primeiro todas as perguntas certas.

 

Se você contratar alguém internamente

Você também tem a opção de contratar alguém internamente para executar suas campanhas para você. Dependendo do tamanho do seu negócio e das necessidades, isso pode estar fora da possibilidade para alguns, mas outros podem achar atraente. Especialmente se esta nova contratação de marketing puder executar campanhas do Google Ads, bem como atender a outras necessidades de marketing.

 

Então, vale a pena administrar o Google Ads?

No geral, há muitos fatores que podem determinar se o Google Ads “vale a pena” para você. Quase todas as empresas podem obter algum tipo de benefício com isso, mas também é importante que você entenda totalmente todos os componentes necessários para iniciar, construir e manter uma estratégia saudável do Google Ads — e reunimos tudo aqui, esperamos que ajude!

Fonte: WordStream

Quer saber de tudo, antes de todos?

Receba as principais notícias e atualizações sobre redes sociais, ads e marketing digital resumidas no seu e-mail!

Isso pode te interessar:

OPINE:

Compartilhe:

VEJA TAMBÉM:

anúncios PPC na era da IA

4 maneiras para ajustar seus anúncios PPC para a era da Inteligência Artificial

Além de segmentar e otimizar lances, o aprendizado de máquina pode aprimorar processo criativo de anúncios PPC. Saiba mais

Google Search Console
SEO

Google removerá taxa de rastreamento do Search Console

O Google anunciou que a ferramenta limitadora de taxa de rastreamento do Search Console será desativada a partir do dia 8 de janeiro de 2024

Conecte seu design com a sua audiência! Conheça 7 tendências visuais para 2024

Descubra as tendências visuais que vão transformar seu design em 2024! Conecte-se com sua audiência de maneira envolvente e inovadora

Aqui você encontra as principais notícias sobre Marketing Digital e atualizações sobre o mundo das Redes Sociais, Ads, Infoprodutos, Vendas Online.